Valéria Schörghofer-Queiroz, MA, BA

A construção identitária de pais multilíngues no contexto do engajamento parental

Betreuung: Eva Vetter
Zeitraum: 2019-
Kontakt: valeria.schoerghofer.queiroz@univie.ac.at
Mitarbeiterin der Sprachlehr- und -lernforschung

Conforme apontado por estudos posteriores e documentos oficiais, o êxito escolar dos alunos está intimamente ligado ao engajamento dos pais no ensino. No entanto, famílias pertencentes a grupos minoritários, como os migrantes de origem multilíngue, experienciam frequentemente desvantagens em relação ao envolvimento escolar, que são comumente causadas por discrepâncias na compreensão do conceito de engajamento parental e nas relações desiguais de poder no âmbito do espaço escolar. Nesse contexto, a construção identitária de pais multilíngues tem um papel crucial nas possibilidades desses pais investirem no processo de aprendizado de seus filhos e filhas, uma vez que esse investimento está intrinsicamente ligado às posições que os pais assumem considerando as visões das ideologias dominantes e os valores atribuídos aos capitais nos espaços em que circulam. Portanto, essa tese tem o objetivo de analisar como adultos multilíngues com filhos no ensino maternal ou no ensino básico negociam e constroem suas identidades como pais ao se engajar no aprendizado dos filhos e ao interagirem nos espaços escolares de seus filhos. Para isso, um estudo de caso qualitativo foi conduzido com sete pais e mães multilíngues, que coleta dados de entradas de diários, entrevistas com pais e observações nas escolas. Os resultados esperados dessa pesquisa têm a pretensão de questionar práticas e visões dominantes do conceito de engajamento parental, assim como contribuir para aprimorar a experiência de pais multilingues no espaço escolar.